Cat-1

Cat-2

Cat-3

Cat-4

» » Aliados reprovam requerimento para audiência pública com o prefeito de Limoeiro


Por Alfredo Neto/Blog do Agreste

Durante a sessão ordinária da Câmara de Vereadores de Limoeiro, realizada na tarde da última segunda-feira (19), um requerimento foi muito debatido entre situação e oposição: 570/2019. De autoria do vereador José Higino (PP) com associação de Roberto Galvão (PSD), Luís Antônio (PTB) e Daniel Moura (PTB), o requerimento solicitava audiência pública com o prefeito João Luís (PSB) para tratar de assuntos referentes aos relatórios da Controladoria Geral da União (CGU) e do Tribunal de Contas da União (TCU), mas acabou reprovado.

De acordo com a justificativa do documento, os relatórios dos órgãos de fiscalização apontaram irregularidades da atual gestão nos seguintes pontos: merenda escolar, transporte escolar, transporte terceirizado a serviço do município, abastecimento de combustíveis, compra de medicamentos, empresas terceirizadas e fornecedores da administração municipal no período de 2017 a 2019.

Os vereadores da base governista, que são maioria, votaram contrário ao requerimento, com isso a convocação ao gestor municipal ficou pelo meio do caminho. O vereador Higino utilizou a tribuna para dizer que os vereadores contrários atenderam ao pedido do prefeito e, com isso, estariam querendo esconder João Luís “atrás da cortina”.

Vereador da bancada de situação, Jairo do Cedro (PSB) votou contra o requerimento e disse que o prefeito já teria encaminhado um ofício ao presidente da Casa Professor Agripino de Almeida, Juarez Cunha (DEM), informando que estaria no plenário sem problemas. No mesmo momento, José Higino rebateu e lembrou que o requerimento dele teria sido protocolado antes, o que foi confirmado pelo presidente da mesa diretora na mesma sessão.

Zózimo Albuquerque, que também é da bancada de apoio ao prefeito, justificou o motivo de votar contra o requerimento: “Na semana passada retirei o requerimento que solicitava uma audiência com o prefeito, por uma questão de lógica nesta semana voto contrário”, disse. “Mas concordo que o prefeito não deve vir ao plenário através de um ofício por ele encaminhado”, ponderou.

Votaram contra o requerimento: Zózimo (PRB), Batalha dos Mendes (PSB), Marcos Sérgio (PSD), Cicio (PP), Jairo do Cedro (PSB), Zélia de Ribeiro do Mel (Podemos), Beto de Washington (PROS), Ronaldo Morais (PTdoB) e Marquinhos Paz (PTB). Votaram favoráveis: Zé Higino (PP), Luís Antônio (PTB) e Daniel do Mercadinho (PTB). Ausentes na votação: Bau da Capoeira (PTB) e Robertinho Galvão (PSD).

Prefeito – Durante entrevista ao programa Revista da Manhã da Rádio Jornal Limoeiro, João Luís disse que um dia após a audiência com o deputado federal Ricardo Teobaldo (Podemos) entrou em contato com o presidente da Câmara e garantiu que estaria enviando um ofício para agendar a participação dele. O gestor também revelou que suas assessorias política e jurídica estão analisando as informações e acusações colocadas pelo deputado, para que possa organizar sua pauta.

João disse que está analisando se também responderá politicamente ou apenas de forma administrativa. Ele ainda comentou que algumas pessoas estão querendo “tumultuar” e não negou que conversou com os vereadores da base e sugeriu que votassem contra o requerimento apresentado pelo vereador Zé Higino, pois já teria se colocado à disposição para ir ao plenário. Questionado de estaria disponível para responder aos questionamentos dos vereadores e da população, João garantiu que sim.

«
Next
Postagem mais recente
»
Previous
Postagem mais antiga

About the Author tvfolhadelimoeiro

This is a short description in the author block about the author. You edit it by entering text in the "Biographical Info" field in the user admin panel.

Nenhum comentário

Leave a Reply

NOTICIAS DA REGIÃO

NOTICIAS PELO BRASIL

NOTICIAS PELO MUNDO

Cat-5

Cat-6